14.8.15

Introdutório com marcadores em SP


Olá a todos.
Esta é minha primeira contribuição ao blog, e gostaria que fosse algo simples e sem muita pretensão, más que sirva de dica para quem está começando a se aventurar nos desenhos urbanos.

Dentre as técnicas que mais gosto para o desenho urbano sem dúvidas os marcadores são adequados para a maior parte das situações.
Eles me permitem gerar as massas, sombras e texturas de uma forma rápida. E pode se fazer grandes coisas com um kit simples.

Estes dois desenhos a seguir foram criados a partir somente de um conjunto de:
2 canetas nanquim  pontas finas
2 marcadores cinzas.
Cinemateca de São Paulo -Vila Mariana (antigo matadouro)
Este primeiro tem um valor especial. Trata-se não somente de um lugar importante na história de São Paulo e de um bairro importante, mas de onde fiz meu primeiro desenho na rua. Por isso achei importante voltar e refazer o desenho para este post.

Av. Indianópolis x R.dos Araes
Este segundo tem a ver não com o local em si. Esta cena poderia ter sido feita em qualquer outro lugar, o importante no meu ponto de vista é parar e observar não somente marcos arquitetônicos, ou elementos extremamente marcantes e chamativos no local. E sim a simplicidade de elementos comuns e cotidianos em um local como um bairro residencial silencioso, e por esse motivo abstraí os demais elementos como carros e casas. No momento as sombras e o silêncio me chamaram mais a atenção.

Espero que tenham gostado
Muito obrigado por lerem.
Um abraço a todos.

5 comentários:

  1. Ótima dica e muito inspirador. Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Show! Adoro marcadores e amei seus desenhos!!!

    ResponderExcluir
  3. Uso muito delicado dos marcadores. Um testemunho inspirador, também gosto muito do inusitado silêncio de alguns lugares urbanos. Aguardamos novas contribuições.

    ResponderExcluir